NOTÍCIAS

El Niño: clima deve se firmar em regiões produtoras de café

por CaféPoint:

 

O El Niño desperta diversos questionamentos quanto a seus impactos climáticos no Brasil. O fenômeno resulta no Pacífico Equatorial mais quente do que a média, e consequentemente, um clima mais quente em nossas regiões produtoras de café. No entanto, nas últimas semanas cafeicultores reportaram problemas na secagem dos grãos em consequência de dias subsequentes com chuvas.

Algumas regiões apresentaram dificuldades já no mês de maio deste ano, como foi o caso do produtor do Paraná, Marcelo Teixeira. Do município de Carlópolis, ele alertava sobre os problemas com o clima para os trabalhos da lavoura. “Não e fácil fazer café de qualidade sempre temos chuva na colheita!”, comentou, registrando seu terreiro na ocasião.

Para entender melhor quais os efeitos que o fenômeno tem causado em diferentes estados brasileiros, o CaféPoint conversou nesta quinta-feira (23/7) com o meteorologista Alexandre Nascimento, da Climatempo.

Umidade e chuva

A umidade registrada nos últimos dias em regiões como Sul de Minas e Cerrado Mineiro, em Minas Gerais, e Mogiana, em São Paulo, foi uma das preocupações dos produtores que precisam avançar nos trabalhos da colheita. “A umidade não necessariamente foi causada pelo El Niño, mas tivemos sim uma subida de instabilidade que possibilitou bastante chuva”, explica Nascimento.

Notícias Relacionadas